Festival 3 Margens: Comunidade tem acesso aos bastidores da produção do cinema

Pitching pemiará o melhor projeto de roteiro com Troféu 3 Margens; sessão exibe resultado do trabalho da oficina de laboratório de roteiro

Além de oferecer gratuitamente à comunidade mais de 70 filmes, o Festival 3 Margens de Cinema Latino-Americano traz uma oportunidade única para quem sempre quis conhecer o que rola do outro lado da tela. A sessão de “pitching”, momento em que os participantes apresentam seus projetos de roteiro para os jurados, acontece nesta sexta-feira (22), na Esquina Cultural, às 15 horas, e será aberta ao público.

O pitching apresentará dez projetos de cinema desenvolvidos por autores de várias cidades do país e da região trinacional à comissão de jurados do festival. Os produtores concorrem ao Troféu 3 Margens, que premiará a melhor proposta de roteiro. Dos dez filmes, seis são do gênero ficção científica, uma animação e três documentários. A maioria dos participantes são estudantes de cursos da área de audioviosual que tiveram as obras selecionadas para participar de uma oficina de laboratório de roteiro para o aperfeiçoamento dos seus projetos.

Ao longo de uma semana, eles receberam consultoria e assessoria individual realizada por profissionais de renome da cinematografia, a exemplo do roteirista Daniel Tavares e das produtoras Marina Mueller e Maria Helena Moran. A atividade de formação que aconteceu na Fundação Cultural agregou conhecimento teórico e prático aos estudantes. Eles receberam uma importante aprendizagem que teve como objetivo contribuir com o desenvolvimento das propostas dos roteiros, tornando-os aptos para serem produzidos.

Quem aproveitou a oportunidade foi a estudante, Maria Avalos. Ela veio de Assunção para cursar cinema na Unila e contou que a experiência foi surpreendente e bastante enriquecedora.  “O festival foi incrível, reuniu pessoas de vários locais, com vários pontos de vista trocando conhecimento, além de aliar a teoria que a gente aprende na universidade com a prática. Eu me surpreendi com a oficina, pois a principio eu não gostava de roteiro e agora depois dessa oficina, passei a adorar esta área do cinema”, exclamou ao relatar que sua obra selecionada pelo laboratório de roteiro é o primeiro trabalho escrito por ela.

Oficinas

Além do laboratório de roteiro, o festival ofereceu oficinas nas de direção, cor, dramaturgia, produção, e elaboração de projetos. As atividades aconteceram aconteceram no campus da UNILA, Jardim Universitário, em Foz do Iguaçu, na Escuela Manuel Belgrano, em Puerto Iguazu e na Fundação Cultural de Foz do Iguaçu.

A programação do festival mobilizou centenas de pessoas, envolvendo os municípios da região trinacional. Ao logo de uma semana, o evento exibiu mais de 70 filmes. O festival se dividiu em 2 mostras competitivas, 4 Mostras Temáticas, 1 mostra convidada e 5 Oficinas. A Mostra Panorama Latino ofereceu onze longas-metragens de seis países com a presença de diretores e diversos participantes dessas produções. São realizadores da Argentina, Bolívia, Brasil, Chile, Paraguai e República Dominicana. A Mostra Afluentes apresenta treze curtas-metragens de realizadores da Argentina, Brasil, Chile, México, Equador, México, Uruguai e Venezuela.Na Mostra Entre Rios estão sendo exibidos sete curtas metragens de jovens realizadores da Argentina, Brasil e Paraguai.Também fizeram parte da programação a Mostra Performance, Identidade e Resistência; Mostra Latinidades em gênero; Mostra Retrospectiva Regional e Mostra Cine Bairro.

Premiação

As mostras competitivas irão premiar os melhores curta-metragens do festival. O troféu Cabeças Pensantes será entregue aos vencedores da Mostra Afluentes, da Mostra Entre Ríos e ao vencedor do melhor filme escolhido pelo público. Serão dedicadas menções honrosas para os melhores filmes escolhidos pelo júri estudantil e pela mídia regional.

Os prêmios e as menções honrosas reconhecerão os melhores filmes nas categorias regional e latinoamericano exibidos no 3 Margens. Os vencedores receberão uma escultura em cerâmica produzida pela premiada artista plástica Maria Cheng, especialmente para o festival.

Realização

A realização do festival é uma parceria da produtora 3 Margens com a Fundação Cultural e conta com o apoio do Cinecataratas, Cine.Ar, Iguassu Conventions, Sindhotéis, Hotel Bella Itália, Loumar Turismo, Fundação Nosso Lar, Instituto de Artes Audiovisuais de Misiones, Ituren, UNILA, Festival do Minuto, Parque Tecnológico de Itaipu – PTI. A promoção do evento é do Click Foz e Shopping JL Cataratas.